Após reunião, mesa diretora do Condel e membros do CONFIS são definidos

Por Clube do Remo - Institucional

Institucional em 16/12/2020 Compartilhar

O Conselho Deliberativo do Clube do Remo se reuniu na noite desta quarta-feira (16), na sede social, para dar posse aos novos conselheiros eleitos e nomear o presidente e vice do Condel.

Ao todo, 100 conselheiros foram nomeados pelo Presidente da Assembleia Geral, Luis Daniel Lavareda Reis Junior, para compor as cadeiras do Condel azulino no triênio de 2021/2023.

Após a nomeação dos eleitos, foi realizada a inscrição e votação da mesa diretora do Condel. Apenas uma chapa foi inscrita e por aclamação Milton Campos (presidente) e Marcelo Hermes (vice) foram nomeados. Carlos Gama será o primeiro secretário, Alcebíades Maroja segundo secretário e Hamilton Bordalo tesoureiro.

Após a eleição da mesa do Condel, a reunião de pauta seguiu para escolher os novos membros do Conselho Fiscal (CONFIS). 

MEMBROS EFETIVOS:

1-Júnior Vieira

2-Manoel Machado

3-Diego Bessa

4-Marco Antônio Fernandes de Figueiredo

5-Lucas Maia

Suplentes:

6-Lucas Sampaio

7-Rodrigo Moraes

8-Cássio Maciel

9-Romeu Biasan

10- Diego Nascimento

Segundo o Estatuto do Clube do Remo, cabe ao conselho Fiscal:

I - fiscalizar se o Conselho Diretor (CODIR) está cumprindo as normas estatutárias referentes a gestão financeira e contábil, e comunicar ao Conselho Deliberativo (CONDEL) eventuais infringências dessas disposições por parte daquele Poder, recomendando, na comunicação, a correção das medidas que julgar necessárias;

II - examinar mensalmente a contabilidade do clube, as contas e a documentação apresentada pelo Conselho Diretor (CODIR);

III - conferir todos os documentos de receita e despesa, contratos e títulos de propriedade do clube;

IV - fiscalizar a aplicação das rendas do clube, verificando o cumprimento do orçamento votado pelo Conselho Deliberativo (CONDEL);

V - apresentar por escrito em no máximo 30 (trinta) dias para apreciação do Conselho Deliberativo (CONDEL) parecer conclusivo sobre as contas da gestão do Conselho Diretor (CODIR) anexando o relatório das ações executadas por aquele Órgão ao final de cada quadrimestre e no encerramento de exercício;

VI - comunicar formalmente ao Presidente do Conselho Diretor (CODIR) todas as irregularidades que encontrar nos livros e documentos examinados requisitando as informações julgadas necessárias e exigindo as regularizações que couberem;

VII - solicitar a convocação do Conselho Deliberativo (CONDEL) para informar eventuais irregularidades nas prestações de contas do Conselho Diretor (CODIR) ou quando ocorrerem motivos graves e urgentes;

VIII - elaborar o seu regimento interno;

IX - elaborar e encaminhar para aprovação pelo Conselho Deliberativo (CONDEL) as normas regulamentadoras de prestações de contas as de procedimentos de compras, contratação de serviços convênios e contratos a serem cumpridas pelo Conselho Diretor (CODIR);

X - em caso de renúncia do Presidente do Conselho Diretor (CODIR) examinar as contas apresentadas e emitir parecer conclusivo do período de sua gestão.

§ 1º - Se o Conselho Fiscal (CONFIS), ciente de irregularidades praticadas pelo Conselho Diretor (CODIR), não as informar ao Conselho Deliberativo (CONDEL), tornar-se-á solidariamente responsável, aplicando -se a seus membros em consequência as penalidades previstas neste Estatuto.

§ 2º - Apurada pelo Conselho Fiscal (CONFIS) a responsabilidade de qualquer membro do Conselho Diretor (CODIR), cumpre ao Conselho Deliberativo (CONDEL) aplicar as sanções correspondentes previstas neste Estatuto, sem prejuízos das ações cíveis e criminais que possam ser promovidas, a fim de que o responsável responda pelos atos que tenham causado danos ao patrimônio e às finanças do clube.



Voltar Imprimir

ÚLTIMAS

      NOTÍCIAS

Natação

Clube do Remo realiza dia das ferinhas na sede social

Nota

Boletim Médico

Futebol Profissional

Remo decide em casa jogo das quartas de final da Copa Verde